26 de fevereiro de 2015

RESENHA: SOMBRA - Karin Alvtegen (Ed. Record)



Boa tarde, pessoal!

Hoje vou falar de mais um lançamento da editora RECORD: SOMBRA, da KARIN ALVTEGEN.

SombraSOMBRA
KARIN ALVTEGEN
Editora: RECORD
Ano: 2015                                      
Nº págs: 336
Gênero: Drama, Thriller

SINOPSE: Gerda Persson, de 92 anos, morre em seu apartamento e seu corpo só é encontrado três dias depois. Gerda parece ter sido uma pessoa comum, ter vivido uma vida extremamente normal – até sua geladeira ser aberta. Dentro da geladeira, vários livros empilhados de forma organizada e envoltos em plástico estão cobertos por uma camada de gelo – todos escritos pelo mesmo autor, Axel Ragnerfeldt, ganhador do Prêmio Nobel de Literatura. Que mistérios conterão estes livros? Marianne Folkesson, curadora de inventários do município, entra em contato com o filho do escritor, Jan-Erik, e descobre que a idosa foi empregada dos Ragnerfeldts por muitos anos. Ao procurar uma foto de Gerda a pedido de Marianne, Jan-Erik se depara com segredos de família: uma história de traições e mentiras que, para os envolvidos, deveria permanecer no passado. A ascensão dos Ragnerfeldts parece ter sido marcada por um crime obscuro – algo que havia sido enterrado pelo tempo e que agora pode vir à tona.

Quando li a sinopse desse livro, fiquei imediatamente interessada, ainda mais por ser um thriller. Contudo, quando fiz a leitura, achei que SOMBRA está mais para um drama, desses bastante densos e enigmáticos. Costumo dizer que não é só porque temos um corpo que a história se classifica como policial, suspense ou thriller. E foi o caso aqui.

A narrativa de KARIN é perfeita em diversos aspectos, mas principalmente na riqueza de detalhes. A autora não deixou passar nada! Desde descrições de ruas e lugares até descrição de personalidades e sentimentos, tudo foi minuciado e explorado, de modo a satisfazer completamente qualquer curiosidade possível de aparecer.

Guerda Persson, a morta, teve seu passado trabalhado de forma magnânima, e até o final KARIN conseguiu ir contando várias coisas sobre ela, porém sem nos revelar muito, fazendo com que nossa imaginação estivesse sempre alerta.

Mas o foco do enredo é mesmo na família Ragnerfeldt. Não sei dizer qual dos membros me chamou mais atenção ou me deixou em maior desespero para saber os segredos. Axel, o Nobel da Literatura, foi um personagem surpreendente em MUITAS situações. Algumas por sua sinceridade e outras por seu cinismo. Seu filho desfocou minha atenção em várias passagens, pois a decadência de seu casamento foi muito bem explorada, assim como todas as suas fraquezas e falhas de caráter. A história da filha é um caso a parte que não vou comentar aqui, pois consiste no mistério do livro. Mas quem me chocou mesmo foi Alice, sua esposa. A princípio a personagem me pareceu completamente sem sal e que estava ali apenas para mostrar a família do autor, porém, conforme fui prosseguindo na leitura, fui percebendo o quão grandiosa essa mulher foi se tornando e o quanto tudo começou a girar em torno dela e de seus segredos do passado. Alicia foi medonhamente brilhante!

Ao ler SOMBRA, não consegui não comparar a forma de escrever da autora com a de LUCINDA RILEY, pois ambas conseguem transformar histórias aparentemente comuns em algo completamente denso e cheio de segredos. Outra comparação que não consegui deixar passar em branco foi com o livro QUARTOS FECHADOS, também lançado pela RECORD, mas a lembrança foi só pelo fato de termos alguém famoso e admirado que esconde segredos obscuros capazes de acabar com uma bela imagem que se demorou anos para construir, pois SOMBRA ganha disparado do livro citado, principalmente pela qualidade da narrativa de KARIN

Esse foi o primeiro livro que li da autora e já sei que quero ler outros mais. Quem tiver a oportunidade, confira. Vale MUITO a pena!


Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. Eu amo as suas indicações de livros. Os policiais, então? Sempre me deixam com vontade de correr para colocá-lo no topo da lista de desejos. Não conhecia esse livro, mas imagino que vou gostar bastante. Ainda mais pela qualidade da escrita que você disse que a autora tem. Gostei muito desses segredos, é sempre uma delícia descobrir todos eles.
    Beijos,
    Isa | http://www.mundodoslivros.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isa, achei excelente!

      Acho que você vai gostar ;)

      Bjs

      Excluir
  2. Também adoro Lucinda Riley e adoro livros com muitos segredos pra descobrir :)

    ResponderExcluir
  3. O livro parece ser legal Mari, e realmente não parece um thriller. Quem classifica esses livros deveria rever isso.

    ResponderExcluir
  4. Não posso mais ler suas resenhas...fico querendo ler todos hahahaha

    ResponderExcluir
  5. Dela conheço apenas A Procurada, e é um dos livros pelos quais mais tenho carinho. Muito fofo. Se quiser ler a resenha:

    http://porquelivronuncaenguica.blogspot.com.br/2014/05/sete-livros-sete-resenhas.html

    ResponderExcluir
  6. Dela conheço apenas A Procurada, e é um dos livros pelos quais mais tenho carinho. Muito fofo. Se quiser ler a resenha:

    http://porquelivronuncaenguica.blogspot.com.br/2014/05/sete-livros-sete-resenhas.html

    ResponderExcluir

* Deixe seu comentário e me faça feliz :D
* Se você tem um blog, não esqueça de deixar o link.